QG Notícias

Osasco participa da Hora do Planeta

 Extra!
março 28
17:11 2015

28. Hora do Planeta2

A organização não-governamental World Wide Fund for Nature (Fundo Mundial para a Natureza) organiza a 7ª edição da Hora do Planeta, movimento que deve envolver 1 bilhão de pessoas neste sábado. Jorge Lapas é o prefeito de Osasco e conta com a participação do cidadão nesse ato de consciência e de reflexão ambiental.

No ano passado foram 7 mil cidades na campanha, somando 162 países. E o movimento é simples: ao anoitecer, dando 20h30 o cidadão participa desligando a energia elétrica, ficando assim até as 21h30.

Desligue geladeiras, aparelhos eletrônicos, principalmente a televisão, foi o que disse o prefeito de Osasco, que também fala como presidente da Cioeste – Consórcio Intermunicipal da Região Oeste Metropolitana de São Paulo.

Várias celebridades pelo mundo estão engajadas nesse movimento. Há registros que 150 cidades brasileiras estão na campanha de hoje, sendo que no ano passado foram 144.

Ainda não há dados científicos que justifiquem a escuridão na Hora do Planeta, mas o que conta mesmo é o trabalho de consciência, pois o superaquecimento é mesmo uma realidade e um desafio que ameaça a sobrevivência.

“Temos que internalizar o fato de que a energia é um recurso natural que está sendo consumido”, observou André Costa Nahur, coordenador do programa.

“Se não tivermos a consciência de uma vida mais sustentável, nosso destino como sociedade é sermos reféns de catástrofes e crises ambientais, como a recente seca na cidade de São Paulo”, arrematou.

NO ESCURINHO, DAS 20h30 ÀS  21h30
Bem, a dica para o momento de escuridão é mesmo o desplugamento – ou seja, nada de tecnologia à mão. A sugestão é esquecer o celular e o computador, acender velas e ficar reunido para conversas quase extintas.

No Rio de Janeiro, por exemplo, o Cristo Redentor também estará economizando luz, assim como a Torre Eiffel, em Paris. Não é brincadeira, pois a Unesco está confirmando 170 países se desligando hoje. E o programa de conscientização chega até a Acrópole, em Atenas, que também ficará apagada.

O Castelo de Edimburgo, o Bib Ben, o Centro Histórico de Quito, a Times Square e a ponte de Sydney também ficam às escuras. Em Osasco há o Viaduto Metálico, sempre se destacando com bela iluminação, mas também estará com as luzes apagadas na Hora do Planeta.

E sob o viaduto, ativistas e muita gente engajada nas questões ambientais estarão reunidos para comemorar o momento de consciência no apagar das luzes. (Márcio Silvio)

Sobre o Autor

admin

admin